/todooterreno/cntt-campeonato-nacional-todo-terreno/cptt-que-futuro-para-o-agrupamento-t8-dividir-ou-manter-como-esta/
CPTT: que futuro para o Agrupamento T8? dividir ou manter como está? | AutoSport

CPTT: que futuro para o Agrupamento T8? dividir ou manter como está?

Por a 22 Setembro 2022 14:33

Não é novidade para ninguém, o CPTT o Agrupamento T8 está melhor do que nunca, e os 15 carros inscritos na Baja TT Sharish Reguengos/Mourão, são bem prova disso. Tal como o líder da competição, Nuno Tordo, já tinha dito recentemente: “o T8 está muito giro e muito competitivo, e vão aparecendo mais carros…”, o campeonato está bem e recomenda-se, mas nem todos concordam com a direção que as coisas estão a tomar.
A competição principal, de que os T1 são o expoente máximo, é composto por carros e pilotos de grande categoria, mas a verdade é que um pouco mais abaixo a competição é igualmente intensa.
Hoje em dia, o Agrupamento T2 anda mais pobre, mas o T8 tem vindo ao longo dos últimos anos a crescer de quantidade e essencialmente qualidade. Grandes máquinas, bons pilotos e um campeonato que desperta cada vez mais atenção.
Contudo, sendo certo que T8 tem vindo a ganhar concorrentes e melhores carros, quando se pergunta o que está bem, o que está mal ou o que pode mudar, algumas opiniões divergem.
O líder da competição, Nuno Tordo, é de opinião que o campeonato T8 está bom, e a melhorar a olhos vistos, mas também concorda que se deve olhar para a questão de uma possível sub-divisão de modo a que isso permita ainda mais carros a correr: “acho que a questão de haver outra categoria, penso que tem que ser vista de forma a que possa haver mais carros a correr e que a balança esteja mais equilibrada. Apesar de ter um T8 de topo, mais evoluído, também tenho outro para venda menos evoluído. Contudo, para ser sincero, não sei como seria possivel dividir o T8 (ndr, eventualmente numa categoria T7), porque nem no T1 esse equilíbrio existe”, disse.
Para José Mendes, que foi terceiro no T8 em 2021: “Perdi o interesse por causa da grande discrepância que existe entre os T8”.
Já Vitor Mendes entende que o T8 deveria efetivamente ser dividido em 2 categorias: “uma para viaturas com chassis parcialmente ou totalmente tubulares, e ou com caixa de velocidades sequencial. Outra com chassis originais e caixa de velocidades em H.
Assim os carros de topo no T8 continuavam a discutir vitórias entre si, e ao mesmo tempo íamos atrair carros como as Nissan de Troféu, as V6 entre tantos carros que estão parados por falta de competitividade”, disse.
Já Rui Gonçalo Marques, refere que “este tema já foi abordado por mim na Associação (APTT, Associação de Pilotos de TT) e a FPAK deu abertura para a criação de uma classe T7, mas depois ninguém quis”, disse.
Mike Braun, piloto do Porsche Proto da PRK Sport Rally Team, que é segundo no campeonato deste ano, entende que o T8 está melhor quando comparado com a realidade de há duas ou três épocas atrás. Mais concorrentes, andamento mais forte, maior competitividade e maior retorno mediático”, disse, deixando um alerta: “Isto não significa que não possa ser feito ainda mais. É uma questão política que deverá ser analisada pela FPAK e pela associação de pilotos”, disse, referindo-se também ao nível da ‘nossa’ competição em Portugal: “Penso que a FPAK tem trabalhado mais e melhor. Basta competir lá fora para percebermos que temos uma Federação e Clubes organizativos de altíssimo nível. A aposta no retorno mediático deverá ser reforçada – precisamos de mais tempo de televisão, mais presença nos media – tudo de uma forma pensada e profissional”, concluiu.
Já Ricardo Nascimento, que é para já quarto da competição, tem um opinião distinta de alguns dos seus colegas: “o nível de T8 está cada vez mais elevado e se queremos andar nas posições cimeiras temos de investir e evoluir as viaturas, não há hipótese de dar a volta a isto. A Taça este ano ainda não teve participantes, por isso não sei se é uma categoria diferente no T8 que vai trazer mais carros ao campeonato”.

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas CPTT -CAMPEONATO PORTUGAL TODO TERRENO
últimas Autosport
cntt-campeonato-nacional-todo-terreno