/ralis/wrc/wrc-ott-tanak-e-a-m-sport-ford-com-muito-trabalho-pela-frente/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=wrc-ott-tanak-e-a-m-sport-ford-com-muito-trabalho-pela-frente&utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=wrc-ott-tanak-e-a-m-sport-ford-com-muito-trabalho-pela-frente
WRC: Ott Tanak e a M-Sport/Ford com muito trabalho pela frente | AutoSport

WRC: Ott Tanak e a M-Sport/Ford com muito trabalho pela frente

Por a 23 Março 2023 15:54

A vida da M-Sport Ford World Rally Team em 2023 não está nada fácil, e depois do que foi o ano de 2022, e das expectativas que existiam para este ano, as coisas não estão onde se pensava poderem estar. É verdade que Ott Tänak venceu o Rali da Suécia e com isso passou a liderar o campeonato, mas a questão vai muito para lá dos pontos obtidos pela equipa até aqui e pelos seus pilotos. Malcolm Wilson deposita em Ott Tanak grande esperança que este leve novamente a M-Sport aos triunfos em ralis e se possível campeonatos, como Sébastien Ogier fez em 2017 e 2018, mas o estónio e Wilson já perceberam nesta altura que as coisas vão ser muito mais complicadas do que pareciam à partida.
Uma falha no turbo do Puma Rally1 logo na 6ª feira acabou com as esperanças de um bom resultado, mas o problema vai bem para lá disso. No final da prova do México, Ott Tanak, que foi nono da geral, mostrou-se feliz por cruzar a linha de chegada, mas não havia mais nada que pudéssemos ter levado daqui. Ainda assim, é positivo pelo menos ganhar alguns pontos porque na sexta-feira não parecia que pudéssemos fazê-lo. O carro [performance] está lá, sempre esteve lá, sou só eu e o carro é que estamos um pouco desajustados, o que é complicado”. E é aqui que a porca torce o rabo! E pelo que se percebe das palavras que Tanak vai dizendo, “vamos ver o que os rapazes podem inventar”.
Tanak tem estado a ter algumas dificuldades com o seu Ford Puma Rally1, e apesar de por vezes assistirmos a provas muito equilibradas, na sua génese os três carros são todos muito diferentes uns dos outros. Por exemplo, enquanto o Toyota GR Yaris Rally1 e o Hyundai i20 N Rally1 são carros mais ágeis, já o Ford Puma Rally1 é bem mais ‘preso’, mais ‘tábua’ (resumidamente, tem a ver como a forma como os carros se comportam em
aceleração, desaceleração e travagem). Ou seja, o oposto dos carros que Tanak guiou nos últimos anos.
Seja como for, isso pode ser alterado. Mas leva algum tempo, basicamente é uma filosofia, um caminho, em que se ganham umas coisas e perdem outras, nos três carros e será por aí que Tanak precisa de trabalhar com a equipa.
Que ninguém se admire muito que até ao Rali de Portugal e Sardenha, seja somente Ott Tanak a testes o Puma, pois ele e a equipa precisamente desse trabalho e a Pierre Louis Loubet não fará grande diferença nesta fase da sua carreira.
Vamos ver o que vai acontecer. No Rali de Monte Carlo, sabia-se que Ott Tanak precisava de tempo para se adaptar ao Ford Puma Rally1, mas logo se ficou a perceber-se que o caminho podia ser mais longo do que o que se pensava. Nessa prova, Tanak sofreu cedo problemas com a direção assistida do carro, mas o que fez antes já não augurava que lhe fosse possível melhor que um pódio. Com os problemas que teve, terminou em quinto.
Agora na Croácia, vai ser interessante o que consegue fazer Tanak, mas para os pisos de terra que se seguem a Ford e Tanak têm muito que trabalhar…

Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Não é viável suportar uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo (Sem publicidade) e ajude-nos a manter esta máquina em andamento. Assina agora desde 2,5€ por mês AQUI
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Caro leitor, esta é uma mensagem importante.
Infelizmente o Autosport não pode continuar a disponibilizar os seus artigos gratuitamente.
Já não é viável ter uma equipa de jornalistas profissionais sem que possamos vender o produto do nosso trabalho.
Tal como os jornais e revistas são pagos, também os conteúdos editoriais digitais terão que ser pagos.
Por favor subscreva o Autosport Exclusivo e ajude-nos a manter esta máquina em andamento!
São apenas 2€ por mês, subscreva agora AQUI
últimas Ralis
últimas Autosport
ralis
últimas Automais
ralis