Pierre Gasly ‘troca’ F1 nos EUA pela decisão do título da Super Formula

Por a 12 Outubro 2017 11:41

Pierre Gasly vai lutar pelo título da Super Formula em Suzuka ao invés de correr com a Toro Rosso no Grande Prémio dos EUA de Fórmula 1. O Campeão da GP2 de 2016, que substituiu o russo Daniil Kvyat nos Grandes Prémios da Malásia e Japão não vai continuar em Austin. Agora, a Toro Rosso, tem que encontrar outro piloto para colocar ao lado de Kvyat, que regressa. Na Super Formula, Gasly está apenas a meio ponto de Hiroaki Ishiura, numa fase claramente ascendente na competição, pois nas últimas três corridas venceu por duas vezes e foi segundo noutra, enquanto Ishiura foi duas vezes quarto e uma vez sexto.

Provavelmente a Red Bull confirmou o que queria e agora Pierre Gasly vai lutar pelo título da Super Formula

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    17
    Deixe um comentário

    Please Login to comment
    9 Comment threads
    8 Thread replies
    1 Followers
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    11 Comment authors
    rodríguezbrmBlurrPitymarcoscerdeirinha@hotmail.comtomasgp7@hotmail.com Recent comment authors
      Subscribe  
    Notify of
    Génesis
    Membro
    Génesis

    António Felix da Costa

    mdcc220
    Membro
    mdcc220

    Vão pedir o Jolion Palmer emprestado á Renault

    Pity
    Membro
    Pity

    É o mais certo.

    Cágado1
    Membro
    Cágado1

    O Franz Tost terá sido a chave para a decisão, ao dizer que queria avaliar 1 piloto para a próxima época. Não vejo nenhum piloto RB em condições de ser avaliado. Vou mandar uma boca maluca: Wehrlein.

    Pity
    Membro
    Pity

    O japonês Matsushita, talvez.

    chic-anal-ysis
    Membro
    chic-anal-ysis

    Não me surpreenderia. Não é segredo que a Honda gostaria de ter um japonês na equipa. Esta seria uma boa oportunidade para rodar um.

    scissordog
    Membro
    scissordog

    O Matsushita não tem pontos suficientes na Super Licença para correr. Era giro o AFC. Podiam experimentar o Kubica assim de giz.

    tomasf1
    Membro
    tomasf1

    Ainda não é elegível para uma Super-Licença, segundo li e segundo disse o Ted Kravitz no Notebook dele.

    Pity
    Membro
    Pity

    Nesse caso, está descartado.

    don-draper
    Membro
    don-draper

    Damon Hill ou…O Riccardo Patrese.

    MiguelCosta
    Membro
    MiguelCosta

    Se não pode ser o AFC que seja o Häkkinen ou o Nelson Piquet. Mas deve ser o Sebastien Buemi!

    tomasf1
    Membro
    tomasf1

    Buemi, Palmer, Rossi são as opções mais “normais”. Como português adorava ver lá o AFC, nem que fosse só por uma corrida. Matsushita ainda não tem a Super-Licença, se não estou em engano.

    mdcc220
    Membro
    mdcc220

    O AFC acho impossível porque já não é piloto Red Bull. É piloto BMW.

    Pity
    Membro
    Pity

    Já não ser piloto Red Bull, não seria o maior impedimento, até porque a BMW não está na F1. O problema, é que a história dos pontos (com a qual concordo), obriga a que o piloto tenha somado 40 pontos nos últimos três anos, nas categorias de promoção, ou ter sido campeão da FE e outros campeonatos. Ora o nosso AFC esteve bem longe desse objectivo.

    blurr
    Membro
    blurr

    Quem são os pilotos de reserva da RebBull e Toro Rosso??

    rodríguezbrm
    Membro
    rodríguezbrm

    Por mim, Brendon Hartley . Se não, o Sébastien Buemi ou o AFC.

    rodríguezbrm
    Membro
    rodríguezbrm

    Sem esquecer o Gutiérrez, caso chova, para usufruir da oportunidade de correr que lhe foi roubada em Interlagos no ano passado. Mas nunca foi da fileira da Red Bull…

    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png