GP Grã-Bretanha F1, Sebastian Vettel: “Não foi um desastre…”

Por a 16 Julho 2017 16:57
Sebastian Vettel não considera um desastre o que lhe aconteceu.
Visualizou 4 de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    Deixe um comentário

    10 Comentários em "GP Grã-Bretanha F1, Sebastian Vettel: “Não foi um desastre…”"

      Subscribe  
    Notify of
    MVM
    Membro

    Eu não vi o GP – não resisto a uma tarde de praia -, mas pelo que li, se não foi um desastre foi muito parecido. Perder 19 pontos de uma assentada pode não ser desastroso, mas já se perderam campeonatos por muito menos.
    Já agora, para onde foram os arranques-canhão do Vettel?

    *RPMS*
    Membro

    Que pena, logo neste é que foste para a praia…perdeste um excelente Gp! Cumprimentos

    RogerM
    Membro

    Não esquecer o ritmo do Bottas que esteve muito bom. Com a Mercedes em alta novamente…bem pode continuar na praia, que vai ser a monotonia do costume. O ano passado ainda o Rosberg e o Hamilton pareciam brincar aos carrinhos de choque, tornando o resultado final imprevisível…mas o Bottas não é assim tão agressivo nas disputas de posição. Por isso aproveite melhor as tardes de fim-de-semana.

    RogerM
    Membro

    Mais tarde ou mais cedo a diferença iria se findar, pois a Mercedes parece que resolveu os problemas de desgaste de pneus, e voltou ao domínio do pelotão como nas passadas temporadas. O Vettel já anda é a ser contagiado com o síndrome do Alonso na Ferrari…que parecia sempre acontecer-lhe algo que não o permitia ser campeão. Ficou tão traumatizado que deu de frosques para a Mclaren…e ainda vem dizer que prefere assim do que estar na Ferrari. Por isso o tal pré acordo com a Mercedes ainda vai ser revisto por estes dias.

    *RPMS*
    Membro

    Já tantas vezes que você repete isso que até parece que está em pânico. Tenha calma, o seu preferido ainda vai a frente…por enquanto! Cumprimentos

    frenando_afondo
    Membro

    Não estavam à espera que os azares acontecessem só ao inglês certo? O Hamilton perdeu muitos pontos com aquele encosto de cabeça. Agora foi a vez do Vettel.

    E ainda vão acontecer mais destas, quando um deles pensar que está descansado, pimba, leva com alguma assim para ficar atento.

    crashhbbandicoot
    Membro

    Não há imaginação para mais nada, a não ser Baku?

    sr-dr-hhister
    Membro

    Para nosso bem, espero que sim.

    mharyus
    Membro

    Desta vez tendo a concordar com o RogerM: a perda maior não parece ter sido a dos pontos mas sim a da vantagem que a Ferrari parecia ter. Esperemos pelas próximas provas para confirmar.

    frenando_afondo
    Membro
    O Mercedes estava perfeito para esta pista, que é uma pista de muita potência e muita aerodinâmica (para meter a potência no chão) devido a ser uma pista em que andas 70% a fundo, sem um bom equilíbrio aeordinâmico/potência, dá problemas. Acredito que a Ferrari vai ser mais forte em pistas mais sinuosas, onde a potência não conta tanto e por terem um monolugar mais curto entre eixos, enquanto que a Mercedes preferiu uma base mais comprida para ter mais “espaço” para organizar o ar turbulento que sai das rodas frontais. Mas uma coisa é certa, a Mercedes conseguiu resolver… Ler mais »
    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png