F1, Ross Brawn: “Estou preocupado que (a Mercedes) possa ficar ainda mais forte”

Por a 6 Dezembro 2017 17:45

Ross Brawn, o novo Diretor Desportivo da Fórmula 1, está receoso que Mercedes possa regressar em 2018 ao domínio que exerceu entre 2014 e 2016, anos em que dominou quase por completo o Mundial de F1, com os dois únicos candidatos ao título a serem os dois pilotos da equipa. Isso este ano já não foi assim, mas muito porque a Mercedes desenvolveu um carro com alguns problemas, como ficou claro logo nos testes de inverno, e apesar de nunca ter deixado de ser o melhor em termos globais, permitiu que a Ferrari desse uma luta bem diferente este ano, e só os erros próprios dos homens da Scuderia impediram que a luta fosse levada até ao fim. Possivelmente, o desfecho teria sido o mesmo, não sabemos, mas a verdade é que não foi pela competitividade do carro que a Ferrari perdeu.

Mas agora, Ross Brawn, teme que o domínio regresse: “A Mercedes tem um ótimo grupo de pessoas, mas estou um pouco preocupado que possam ficar ainda mais fortes. Tiveram mudanças na equipa técnica, saiu o Paddy Lowe e entrou o James Allison, precisamente a meio de uma grande mudança regulamentar e isso nunca é fácil. Eles admitiram que o seu carro este ano foi um pouco como uma ‘diva’ e eu suspeito fortemente que não será o caso do próximo ano. Por isso, eu só vejo – infelizmente – uma continuação do ‘rolo compressor’, mas espero estar errado!”

Ross Brawn teme que a Mercedes possa ficar mais forte…

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    10
    Deixe um comentário

    Please Login to comment
    6 Comment threads
    4 Thread replies
    2 Followers
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    6 Comment authors
    Soaresro19071725so23101706joaopereira1696João Pereira Recent comment authors
      Subscribe  
    Notify of
    *RPMS*
    Membro
    *RPMS*

    “…a verdade é que não foi pela competitividade do carro que a Ferrari perdeu.”
    Até o Ross Brawn viu que este ano a Ferrari podia ter sido campeã e se não ganhou não foi por culpa do carro…
    Cumprimentos

    ernie
    Membro
    ernie

    A Ferrari perdeu pela sua ancestral e crónica má gestão de pilotos e pelos erros de Vettel. O carro era fantástico, provavelmente o melhor, se excluirmos o RB mas só por causa do motor Renault.
    Cumprimentos.

    frenando_afondo
    Membro
    frenando_afondo

    Primeiro: futurismo. Segundo: Parece-me uma falta de respeito para com a Ferrari, visto que este ano acertaram e nada impede que para o ano acertem outra vez e venham com um motor ainda mais potente/fiável. Terceiro: Nada impede da Mercedes falhar. Quarto: A Ferrari também dominou 6 anos seguidos. Hoje em dia uma equipa domina 2 ou 3 anos e começam logo as queixas, alguns até já se queixavam logo no 2º ano de domínio. Quinto: Se calhar dominam porque têm mérito? Fizeram as coisas bem feitas, contrataram bons pilotos, construiram uma boa estrutura. E neste caso uma estrutura desde… Ler mais »

    ernie
    Membro
    ernie

    Primeiro: Não faço ideia do que é futurismo. Segundo: A Ferrari só acertou no carro e no Raikkonen. O Vettel é que não soube liderar a equipa, e os dirigentes ainda menos. Terceiro: O que impede a Mercedes de falhar, é que tem voltou a uma excelente gestão de equipa, principalmente depois de ter aprendido com o “Errosberg” do ano passado. Há que deixar os pilotos valerem o que valem, e foi o que fizeram este ano. Quarto: A Ferrari dominou 6 anos seguidos (todos sabemos como, incluindo Brawn e Todt), mas de vez em quando fica 20 anos sem… Ler mais »

    ernie
    Membro
    ernie

    Tem razão quando diz que a Ferrari não perdeu os campeonatos por falta de carro (foi pela sua gestão de pilotos e pelos erros de Vettel). Tem razão quando diz que a Mercedes venceu apesar de ter um, excelente mas difícil carro. E agora teme (Talvez por cíume), que a equipa que vendeu à Mercedes (depois de a ter recebido da Honda a custo zero ou até com subsidio), se tenha tornado vencedora depois de lhe ter dado um valente chuto no traseiro, por alguém ter percebido que ele e Herr Haug estavam a gastar uma pipa de massa para… Ler mais »

    *RPMS*
    Membro
    *RPMS*

    Como já nos vem habituando: é um muitíssimo bem escrito!
    Cumprimentos

    jo22101626
    Membro
    jo22101626

    Eu até acho que vai ser precisamente o contrário e para o ano a Mercedes vai ter ainda mais concorrência, primeiro pelo que ouvi dizer acho que estão a tentar mudar o conceito de carro que tantas vitórias lhes deu para tentar copiar a RedBuLL que não tem ganho quase nada e segundo a diferença vai tender sempre a diminuir porque a diferença da mercedes é o motor e as outras equipas tendem a cada vez mais aproximar o seu motor ao da mercedes

    so23101706
    Membro
    so23101706

    Um carro ganha 5 corridas, outro 12. Está bom de ver que o melhor é o que ganhou 5.

    *RPMS*
    Membro
    *RPMS*

    Faltou piloto ao que só ganhou 5…
    Cumpr(i)mentos

    kkk
    Membro
    kkk

    Se calhar é para isso que alguns estão a trabalhar! A Ferrari que dê um xuto verdadeiro na F1 para ver se isto muda… já que todos os anos há alterações e menos interesse.

    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png