F1: Há que dar crédito à Ferrari

Por a 20 Abril 2017 10:27

James Allison, agora diretor técnico na equipa Mercedes, afirma que se tem de dar crédito pela forma como a Ferrari surgiu em 2017 a lutar pelo título de F1. O engenheiro britânico deixou o mesmo posto na equipa de Maranello a meio da temporada de 2016, e especulou-se se a sua saída numa altura crucial iria afetar o desenvolvimento do SF70H, que acabou por ganhar duas das três corridas já disputadas este ano.

Depois da saída de Allison o desenvolvimento do novo Ferrari ficou a cargo de Mattia Binotto, com o presidente da marca, Sergio Marchionne, a antecipar o SF70H como um carro para andar na frente e lutar pelo título. Allison considera que seria injusto retirar crédito às pessoas com quem trabalhou antes de deixar Maranello. “Deixei a Ferrari há muitos meses e juntei-me à Mercedes há apenas poucas semanas, e tudo o que a Ferrari fez este ano deve-se às pessoas que trabalharam estes meses”, referiu o britânico. “Da mesma forma, na equipa com quem trabalho agora há pessoas a quem se deve a fantástica performance  ao longo destes meses”, sublinhou.

Em jeito de brincadeira, James Allison afirma que o único crédito que lhe podem dar nos meses que esteve ausente da F1 – por razões familiares – é da jardinagem a que se dedicou nesse período: “Apenas posso ser responsabilizado pelo estado do meu jardim neste momento, que resulta do meu esforço nos últimos seis meses”.

James Allison, agora diretor técnico na equipa Mercedes, afirma que se tem de dar crédito pela forma como a Ferrari surgiu em 2017 a lutar pelo título de F1

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    Deixe um comentário

    Please Login to comment
      Subscribe  
    Notify of
    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png