F1, George Russell: “Acredito que estou a pressionar o Toto Wolff a olhar para mim”

Por a 9 Agosto 2018 17:40

George Russell, piloto protegido da Mercedes, acredita que está a pressionar a marca alemã a arranjar-lhe uma equipa na Fórmula 1 para 2019. Russell lidera a Fórmula 2 neste momento, já tendo vencido por quatro vezes, sendo o mais rápido nos testes da F1 após o Grande Prémio da Hungria.

“Sinto que a F2 pode ser melhor, sem dúvida, mas estamos a fazer um bom trabalho com a ART e eu realmente posso mostrar a minha capacidade a todos. Acredito que isto está a pressionar o Toto (Wolff) e outras equipas a olharem para mim. Estou satisfeito com a minha temporada, e tudo o que posso fazer é continuar a tentar impressionar estas equipas”, disse o piloto.

O piloto britânico deverá estar dependente dos acordos que a Mercedes conseguir estabelecer com a Force India e a Williams – equipas que usam os seus motores – para 2019.

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
pedro_speed
Membro
pedro_speed

Para a Williams, creio que seria uma excelente hipótese, ter este piloto ao seu serviço em 2019. Tinha era de ser ao lado de um piloto experiente, por exemplo o Robert Kubica. Também podia ser o Romain Grosjean, se se confirmar a sua saída da Haas. O Francês pode não ser um piloto excepcional mas é um bom piloto e tem experiência de F1, coisa que tem feito muita falta à Williams este ano. Também poderia ser o Perez ou o Ocon, mas esses podem não estar muito interessados nesta equipa. Uma dupla constituída pelo George Russell e um piloto… Ler mais »

últimas F1
últimas Autosport