F1: Force India quer chegar ao top 3

Por a 7 Novembro 2018 17:00

De equipa falida ao top 3. É este o desejo dos responsáveis da Force India, que pretendem tentar chegar ao top 3 a curto prazo. A equipa enfrentou um processo de insolvência e esteve com as chaves na porta, mas agora ganhou um novo ânimo com a injeção de dinheiro de Lawrence Stroll, que permitiu à equipa continuar a correr em 2018 e que abriu boas perspetivas para o futuro.

A Force India sempre foi uma equipa que trabalhou com inteligência e eficácia, apresentando chassis bem desenhados e competitivos, faltando apenas os recursos para continuar a desenvolver o trabalho feito. Agora com o forte apoio de Stroll, o futuro parece mais risonho e a Force India poderá finalmente mostrar o seu verdadeiro potencial, com mais recursos.

Otmar Szafnauer falou disso mesmo e mostrou otimismo e ambição:

“Queremos lutar pelo terceiro lugar. Acho que nós e a Renault temos hipóteses de nos aproximarmos da Ferrari e da Mercedes em 2019”, afirmou

“Sem Lawrence Stroll, não teríamos corrido em agosto. Estou na F1 há 20 anos e começamos a conversar há seis meses atrás. Mas percebi que somos americanos e temos maneiras semelhantes de ver e reagir às coisas. Ele [Stroll] quer acelerar o crescimento da equipa ao máximo para alcançar os três primeiros que estão dominando.  É difícil entender como corre a preparação e, a menos que se saiba o que os outros estão a descobrir, é difícil saber onde estamos”, acrescentou. “Mas estamos felizes com o progresso feito. Tivemos a sorte de usar uma versão da asa do próximo ano no teste da Hungria e, a partir disso, aprendemos muito e deu-nos uma boa direção para o futuro.”

Será a Force India capaz de atingir esse objetivo, sabendo que a Red Bull continua a ser a equipa que melhor chassi faz e que a Honda terá mais argumentos em 2019? Pelo que vimos, a Force India tem mostrado potencial para o conseguir e se tivermos uma Force forte e uma Renault mais competitiva, a F1 poderá melhorar ainda mais. Mas só a partir de fevereiro saberemos ao certo se tal será uma realidade.

 

3
Deixe um comentário

Please Login to comment
  Subscribe  
Notify of
pedro_speed
Membro
pedro_speed

No meio disto tudo, atrevo-me a perguntar, como é que a F1 atual chega ao ponto em que uma das suas equipas mais competentes e competitivas como é a Force India, se viu na situação de entrar em insolvência !?

Algo está mal na F1. Muito já se falou no teto orçamental. Mas as grandes equipas sempre o rejeitaram. Agora, afinal, parece que uma dessas equipas de topo, neste caso a Ferrari, já começa a falar no assunto. Para mim, a solução passa por aí, sem contudo, descurar a inovação tecnológica que sempre foi apanágio deste desporto de elite.

V8_scars
Membro
V8_scars

Vão ter de ter um chassi de primeira já que vão correr com piloto e meio.
Desejo-lhes sorte para a próxima temporada, são a equipa não oficial do segundo pelotão mais regular e rápida, com evoluções continuas ano após ano e que, apesar de tudo, ainda deixa os pilotos lutarem entre si.

ramedlaV
Membro
ramedlaV

Nestes anos que acompanho, nunca tirei por nenhuma equipa, apenas pilotos, mas com a Tyrrel e a Force India sempre tive um certo carinho. A equipa veio do fundo do pelotão, sempre ano após ano em crescendo, capitalizado de forma inteligente as verbas que tinha.

últimas F1
últimas Autosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png