F1, Ecclestone e o ‘divórcio’ da Honda: “Culpa foi da McLaren”

Por a 13 Setembro 2017 13:03

Bernie Ecclestone já está afastado da F1 há quase um ano, mas como se sabe, nunca se ‘desligará’ por completo e tendo em conta a forma como ele geria tudo o que tinha a ver com a disciplina, tem sempre algo a dizer, sobre o que quer que seja e no caso da McLaren e da Honda, ‘Bernie’ é de opinião que o fracasso da Honda doi “culpa da McLaren”. Numa entrevista ao jornal britânico ‘Daily Mail’, Bernie Ecclestone disse que Fernando Alonso vai continuar na F1 e na McLaren, pelo menos mais uma temporada, algo que é ‘chancelado’ pelo acordo da McLaren com a Renault. Mas curiosamente, Ecclestone acha que o fracasso da aliança da McLaren com a Honda é culpa… da McLAren: “A culpa foi da McLaren. O acordo com a Renault está feito. A permanência de Alonso é uma grande notícia, mas não sei por que a McLaren vai ser mais feliz com a Renault do que com a Honda. Não foi culpa da Honda que as coisas não funcionaram, foi da McLaren. A cada dia que passava, discutiam algo, ao invés de trabalhar com eles, foi algo um pouco estúpido”, disse Ecclestone, que estranhamente endereça as culpas só para um dos lados, quando está à vista de todos o que aconteceu.

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    Deixe um comentário

    10 Comentários em "F1, Ecclestone e o ‘divórcio’ da Honda: “Culpa foi da McLaren”"

      Subscribe  
    Notify of
    alexis
    Membro

    São 86 anos, a senilidade é por demais evidente, coitado…

    dantasv6
    Membro

    Este Sr. é do contra e na minha opinião está explicado.
    Se o barco vai para bombordo ele diz que é para estibordo.

    sr-dr-hhister
    Membro

    Esse é o Villeneuve.

    sr-dr-hhister
    Membro
    Está à vista de todos o que aconteceu? Lá sei eu o que se passou nos bastidores. Claro que a experiência me leva a crer que a McLaren tem que saber trabalhar harmoniosamente com distintos fornecedores de motores e imagino que o tenha feito, mas com o vosso trabalho de jornalismo da treta, que mais não é do que copy paste, como tenho a certeza? Nem cheguei a perceber se é o motor que é uma treta ou se é o chassi que vibra em demasia. O que para mim está à vista de todos é a vossa incompetência profissional,… Ler mais »
    MVM
    Membro

    Finalmente um comentário lúcido.

    pedro-dos-motordesportos
    Membro

    Como dizia o outro “calado és um poeta”. Que paródia o tio Bernie. Esta mudança está a provocar muito desconforto nas elites da F1 será por terem medo que funcione e possamos assistir a uma nova Mclaren?? Fica a questão…

    mario
    Membro

    A McLaren tem culpa de não ter deixado a Honda logo no 1º ano, foi o que fez com a Peugeot.

    old-player
    Membro

    Este Srº foi o responsável em grande parte pelo estado actual da Formula 1.
    Tornou a Formula 1 num desporto para elites e Grandes construtores deixando de lado e à mercê da sorte financeira os pequenos construtores (garagistas).

    chic-anal-ysis
    Membro

    É apenas mais um a apostar no fracasso da aposta Mc/renault para depois poder vir dizer “eu não disse? ” Se virmos bem as coisas não está nada isolado nesta ideia, é apenas o que o está a dizer com as letras todas. O que tem a ganhar com isso ? não sei, talvez apenas a notoriedade que lhe está a faltar.

    chic-anal-ysis
    Membro

    Não tem um telemóvel daqueles ainda com as teclas todas?

    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png