F1, Antonio Giovinazzi: “Vou estar muito melhor preparado quando chegar a Melbourne”

Por a 7 Dezembro 2018 14:52
Antonio Giovinazzi vai regressar à Fórmula 1, em 2019, através da Sauber. O piloto italiano vai voltar a representar a equipa suíça depois de, em 2017, ter feito as duas primeiras corridas da temporada, substituindo, na altura, Pascal Wehrlein, que se encontrava lesionado. O piloto diz que vai estar muito melhor preparado do que na primeira experiência.

“Já passou algum tempo, foi no início de 2017. Além disso, não foram fins de semana completos. Na Austrália, apenas estive presente no sábado e no domingo, já na China, os treinos de sexta-feira foram cancelados devido ao mau tempo. Estes foram tempos difíceis, mas, no próximo ano, tudo será melhor. Vou ter os testes de Barcelona para ganhar ritmo, e vou estar muito melhor preparado quando chegar a Melbourne”, disse o piloto ao Formula Passion.

O piloto italiano diz que vai estar muito mais preparado em 2019.

Visualizou de 4 artigos abertos

O AutoSport limitou a 4, o número de artigos
que poderá ler sem fazer login
Para continuar a ler livremente
os artigos AutoSport,
por favor faça login aqui
Caso não esteja ainda registado,
faça agora aqui o seu
registo gratuito
  • Não é possível alterar o nome de utilizador.

    6
    Deixe um comentário

    Please Login to comment
    2 Comment threads
    4 Thread replies
    3 Followers
     
    Most reacted comment
    Hottest comment thread
    4 Comment authors
    Frenando_AfondoSoaresMVMCágado1 Recent comment authors
      Subscribe  
    Notify of
    Cágado1
    Membro
    Cágado1

    Este gajo foi muito bom na GP2, provando ser tão rápido como o Gasly e tendo mais cabeça (apesar de ser um rookie a lutar contra um piloto no 2º ano de GP2). Ponho muitas expectativas nele. Vai ter um termo de comparação ainda muito válido na equipa, o que ajudará a perceber o seu valor.

    MVM
    Membro
    MVM

    É «mais bem preparado», não «melhor preparado». Eu sei que soa estranho, mas é mesmo assim. «Em bem preparado, bem tornado, bem adubado, o advérbio bem faz “corpo” com o particípio passado que se lhe segue. E há casos em que esse «fazer corpo» é tão nítido que se unem graficamente as duas palavras, o advérbio bem e o particípio passado, com o hífen (ou traço de união), como por exemplo em bem-falado, bem-feito, bem-parecido, etc. Note-se que cada uma destas palavras funciona como um qualquer adjectivo, como por exemplo: feio, bonito, belo, comprido, etc. E tal como dizemos mais… Ler mais »

    *RPMS*
    Membro
    *RPMS*

    Tornas-te chato com essa tua “birrinha” contra os jornalistas do AS… Cumprimentos

    MVM
    Membro
    MVM

    Não é contra ninguém, é a favor da língua portuguesa.
    E tu? Já pensaste no que as pessoas fazem de ti por causa das tuas implicações?

    *RPMS*
    Membro
    *RPMS*

    No que as pessoas fazem de ti? Traduz lá isso para português e deixa de ser chato… Cumprimentos

    frenando_afondo
    Membro
    frenando_afondo

    Opah a sériu MêVêMê, pára lá de sere taum xatuh con a escrevida dos jurnalitax, eh que a jente asim sentese buédes da mal. Pudias ser uma beca mais menos coiso con eles, comu disse o RêPêMê-Ass.

    últimas FÓRMULA 1
    últimas Autosport
    AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/motosport.png